Núcleo de Inovação Tecnológica para a Agricultura Familiar

O que é

A inovação e a tecnologia são recursos capazes de elevar a competitividade de agricultura familiares a um outro patamar. Entretanto, o desenvolvimento dessas atividades encontra desafios no diálogo entre os atores e no potencial de aplicabilidade das ferramentas, seja pelo seu alto custo, seja pela falta de adaptação das soluções à produção em pequena escala.

Diante desse contexto, o Núcleo de Inovação Tecnológica para a Agricultura Familiar (NITA) pretende ser um articulador entre as diversas organizações envolvidas no processo de desenvolvimento de tecnologias para o campo. A rede é constituída por instituições públicas e privadas, que tem por objetivo aproximar startups, pequenas e médias empresas desenvolvedoras de inovações aos agricultores familiares e pescadores artesanais, suas organizações e técnicos do setor.

Destaques

A iniciativa tem como parceiro o Banco Mundial, que também atua em outros sete países para a criação e o fortalecimento de redes de apoio tecnológicos para pequenos agricultores. As atividades tiveram início a partir da assinatura de um Acordo de Cooperação Técnica entre diversas organizações, onde cada qual assume responsabilidades específicas em função de suas atribuições, a fim de contribuir com um objetivo comum.

Integram o núcleo: Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca, Programa Santa Catarina Rural, Associação Catarinense de Tecnologia, Associação Deatec, Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina, Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Social, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Santa Catarina, Associação das Fundações Educacionais de Ensino Superior, Sebrae, Fundação Certi e Universidade Católica.

Nas atividades desenvolvidas, o NITA busca estimular o surgimento de startups e empresas com soluções para a agricultura familiar, aproximando-as de eventos setoriais, técnicos extensionistas e pequenas propriedades. Outro grande gargalo sobre o qual o núcleo atua é na adaptação de instrumentos financeiros, incluindo novas tecnologias nas linhas de financiamento destinadas a agricultura familiar (PRONAF).

No momento de inscrição na chamada de casos do Bota na Mesa, um marketplace da iniciativa estava em fase de desenvolvimento. O site pretende ser um espaço digital de oferta de tecnologias para os agricultores familiares. Essas empresas, por sua vez, passarão a acessar um conjunto de benefícios ofertados pelo NITA, nos campos de fortalecimento do empreendedorismo, conexão com mercados-alvo e consolidação da tecnologia.

Aspectos de inovação para a inclusão da agricultura familiar

  • Tecnologias adequadas à agricultura familiar

Conheça mais sobre a iniciativa aqui.

Contato: Ditmar Alfonso Zimath – secretaria@nita.org.br